Slide Show


 

Banner

Editorial: A Casa do Povo!

Publicado em: 19/11/2018 às 10:57 - Categoria Cidadania
Total de visualizações: 74

Em uma entrevista à Rádio Joven Pan, a deputada federal mais votada nas Eleições 2018, Joice Hasselmann, disparou com ênfase: ”políticos não são deuses. Quanto custa cada político para o Brasil? Quanto custa cada político para nossa cidade? Mas quanto valem?…”
E repito suas palavras: Quanto custa um político para Perdões?
Mas quanto vale?
Para uns vale umas caixas de cerveja. Para outros, alguns tijolos, pagar uma conta, dar R$50, R$100 para um evento.
Mas e os projetos para a coletividade?
O bem para o povo?
Transparência!
Diminuir gastos públicos.
Enxugar a máquina.
Esvaziar os cabides de emprego e os conchavos.
Ir na rede social e xingar, criticar é tão fácil.
Caráter não se compra.
Caráter é inerente à pessoa.
Fibra!
No dia 05 de novembro foi realizada a 19ª Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Perdões, que entre apresentação e discussão de projetos, teve os ânimos acirrados de alguns cidadãos , quando entraram em dois assuntos de reuniões anteriores e que também se comentavam na rede social.
Transparência – um projeto que foi apresentado pelo vereador José Rubens e foi reprovado na 17ª Reunião Ordinária realizada em setembro.
Nessa reunião de setembro foi reprovado por 6 votos contrários e 4 favoráveis. Votaram a favor do projeto: José Rubens, Helton, Johnny e Rodrigo. Votaram contra: Anderson, Wagão, Fernando, João D´Água.
Já na reunião de novembro, algumas pessoas se pronunciaram na tribuna do povo.
Após o presidente da Câmara de Perdões, Marcos Tadeu, questionar sobre notícias, assuntos que são passados na imprensa, o repórter da Tv Vertentes, Lucas, pediu a palavra e rebateu as palavras do edir.
Isilda foi convidada pelo vereador Rodrigo para falar sobre o trabalho da APAC.
Silvio Eustáquio também fez uso da tribuna do povo, onde relembrou que foi o autor da ‘campanha’ para diminuir o salário dos vereadores, onde apresentou numa reunião da gestão 2013/2016. Elogiou os vereadores atuais, entre outros assuntos.
Os vereadores José Rubens, Johnny, Helton, João D´Àgua e Rodrigo Santos apresentaram ao presidente da Câmara o ofício (abaixo) onde renunciam ao 13º e 1/3 de férias, pois mesmo sendo legal, não consideram isso moral, diante do quadro econômico em que se encontra a cidade.
Essa reunião foi acompanhada e registrada pela Tv Vertentes, Alternativa Tv e Jornal VOZ


por Regina Bertoni


MAIS LIDAS


anuncie