Slide Show

    A Secretaria Municipal de Educação e Cultura e a Secretaria de Assistência Social informam que, no período de 15 a 26/01/2018 serão realizados os Cadastros e Recadastros ( já...



 

Banner

Mães de Perdões: ‘‘Queremos mais para a nossa cidade’’

Publicado em: 15/05/2017 às 10:59 - Categoria Gente de Perdões e Região
Total de visualizações: 1936

‘‘MÃES DE PERDÕES – QUEREMOS MAIS PARA A NOSSA CIDADE’’
Mães dão a sua opinião sobre a política de Perdões (o que está bom, o que precisa de mais atenção) ontem, hoje e futuro, conforme a opinião de cada uma.
Mães atuantes que representam muitas outras mães e querem o melhor para a nossa querida cidade.

8

LUANA MARIA DA SILVA
(MÃE DO IAGO E DA ESTER)
Em relação a cidade, seria hipocrisia minha dizer que nada está acontecendo. Realmente volto a dizer que em pouco tempo está trabalhando,sim.
Alguns vereadores também estão mostrando garra em melhoria da nossa cidade, mesmo que sejam dois ou três vereadoes (na minha opinião) . Só que a gente tem sempre que pensar em melhorar mais e mais. Eu como mãe vejo que nossas crianças e adolescentes merecem ser assistidas mais de perto em relação ao esporte.
Tem vereador investindo em esporte sim, me lembro quando tinha Escolinha de Futebol no Campo Independente, um lugar que poderia ser mais aproveitado em relação às crianças, adolescentes e jovens, muitos até mesmo sem condições financeiras.
Vamos investir mais em nossos jovens no esporte, seja ele qual for, para tirar nossos jovens das ruas e do caminho das drogas.
Mãe, seja a melhor amiga de seus filhos antes que venham as drogas e os façam.


9

JOSY PAIVA
(MÃE DA MARYAH E NATHAN)
Sou a Josy, proprietária do Restaurante Bar do Peixe, sou mãe de dois filhos lindos, Maryah e Nathan. E como toda mãe, quero o melhor para meus filhos que nasceram e crescerão na nossa cidade de Perdões. Não sou muito atuante em política, porém tendo em base cidades maiores que conhecemos, Perdões tem muito que crescer e nossos políticos tem muito a fazer por nossa cidade! E isso não é uma crítica, e sim um ponto a favor dos nossos políticos. Pois terão onde mostrar serviço, pois carecemos de muitos benefícios não oferecidos em nossa cidade. Quero chamar a atenção deles para o problema que nós “Mães” passamos na Santa Casa, onde não existe atualmente serviços de obstetras pelo SUS.
Eu fui privilegiada nas minhas gestações, tive ótimo atendimento aqui na Santa Casa de Perdões, pagando o carnê de doação, porém nem todos tem essa condição.
Espero que Perdões melhore a cada dia em todos os setores.
Nós precisamos e contamos com nossos representantes públicos, para dar o melhor para nossa cidade. Fica aqui o meu parabéns para a todas às mamães, que esse dia seja especial.
Pois são de momentos especiais e felizes que a vida é feita!


10

SÔNIA CARVALHO FREIRE
(MÃE DA ELISANA E DA VALÉRIA)
Meu maior presente de Deus foi ser mãe. Fui mãe aos 42 anos, tenho 2 filhas: Elisana (20) e Valéria (18).
Sempre sonhei ser mãe, constituir uma família por amor, amor recíproco, não apenas de um lado. Desde jovem aprendi através de revistas que uma mulher deve se cuidar, se alimentar bem, ser saudável, se preparar para que seu organismo possa gerar filhos saudáveis. Muito antes de encontrar o pai de minhas filhas, Élcio, eu já me cuidava pensando nisso, na saúde dos filhos (as) que sonhava ter um dia. Ser mãe é uma dádiva de Deus, é confortante e preocupante. No mundo de hoje, com tantos problemas como violência, vícios, corrupção – sujeira moral, e abusos é preciso estar sempre perto de Deus, é preciso sempre buscar Deus para nos conduzir, proteger, amenizar tantos problemas que são o reflexo da falta de Deus. É necessário que cada um conscientize e faça a sua parte com honestidade em todas as áreas em nossa cidade em nosso país. Só assim teremos um futuro melhor para os nossos filhos. Investimento prioritário em Educação, Saúde, Segurança e preservação do meio ambiente, reciclagem do lixo em Perdões são o que realmente necessitamos, além da chance de mais emprego, especialmente para os jovens e as pessoas mais maduras.


11

SAYONARA SOUSA CARVALHO
(MÃE DA STELA)
Como mãe de Perdões quero como todas as mães daqui que, nossas crianças cresçam com escolas e professores capacitados para orientá-los.
Queremos atendimento de saúde voltado para criança! Quero poder passear à ‘noitinha’ com ela pela rua sem medo ou receio.
Quero que minha filha estude e, se como eu, se ela escolher viver na Cidade da Amizade, ela tenha emprego onde possa desenvolver sua capacidade.
Fico feliz de ver como temos boas escolas no município.
A abertura de creches, em período integral para as mães que trabalham é uma benção!
Usei muito a saúde pública do município, não tenho do que reclamar. Precisamos manter o que está bom e procurar ampliar.
Porém estamos esperando que se invista em lazer para as crianças, em atendimento hospitalar especializado em gestante e criança.
Em investimento na segurança do município.
Precisamos fazer nossa cidade desenvolver em educação e emprego para que essas crianças de hoje, amanhã estejam atuando, e bem na cidade.
E queremos para já!


12

ADALGIZA PEREIRA SILVA
(MÃE DO ÍTALO)
Ser mãe é cuidar, proteger, apoiar, educar … mas tudo com alegria, com segurança, com entusiasmo.
Nós mães queremos mais para a nossa cidade, queremos mais para nossos filhos e para todos os jovens
Queremos, precisamos, ansiamos!
Tudo aqui caminha a passos muito lentos, tudo o que nos é prometido ainda está por se cumprir.
Nossos jovens tendem a fazer coisas erradas por pura inatividade. Daí as portas vão se fechando e eles vão ficando à mercê de um enclausuramento. Não tem festas, não tem torneios, não tem distrações, carnaval nem pensar (dá muito trabalho), não tem shows. Assim eles vão (todos nós, não só os jovens), se tornando reféns da ineficiência das autoridades competentes. E isso já vem de outras décadas.
Poliesportivos embargados para algumas coisas e para outras não. Praça Zoroastro Alvarenga (aliás, praça para o povo, não pra ser patrimônio histórico) também com problemas para algumas coisas e para outras liberadas.
A praça da Caridade chega a envergonhar o povo perdoense pelo estado em que se encontra. Um “elefante branco” com as pernas quebradas”.
Estou assistindo a determinados políticos se atentarem a pequenos grupos e se esquecerem do coletivo. Quando eleitos vereadores, são para cuidar de uma cidade, da totalidade, do bem comum.
Como mãe, como educadora, como perdoense que sou, reivindico educação, saúde (que na verdade, estão indo bem), mas queremos também o “pão e circo” pois desde remotos tempos sabemos serem úteis à sociedade embora contestem os sociólogos.
Perdões tem clubes particulares de ótima qualidade, porém atendem a 1% da população. Uma minoria tem seus sítios, seus ranchos, suas fazendas … mas e os outros? Nossos jovens anseiam por atividades, encontros, diversão. Precisamos nos lembrar que já fomos jovens um dia e tivemos acesso a muitas distrações que poderiam ser restabelecidas. Quantas lembranças de jogos, de torneios, de festivais … cheios de emoção e de histórias para contar como os de outrora!
Queremos nossos filhos sendo criados também em um tempo onde haverá histórias a serem contadas e lembradas com um sorriso nos lábios.


13

MYRNA SILVA SILVÉRIO
(MÃE DA FABIANA)
Sou Educadora Fisica, Personal Training,proprietária da Academia Mundo Fitness, atleta amadora de corrida. Mãe de uma linda menina que se chama Fabiana de 4 anos.
Falar de política não é tão fácil, porque envolve muitas coisas…
Na minha opinião o esporte na nossa cidade ficou muito a desejar nestes últimos 4 anos.
Falar sobre a atual gestão ainda é muito precipitado pelo pouco tempo de trabalho, mas conhecendo alguns que estão á frente no esporte, à perspectiva de uma melhora significativa é grande. Já vi algumas mudanças onde várias modalidades estão voltando a serem disputar na região, uma nova forma de trabalho sendo implantada.
Eu como mãe atuante na área do esporte, tenho um grande interesse de ver esta área mais desenvolvida e com várias novidades, como projetos sócioeducativos direcionados à toda família, o apoio ao nosso esporte e a todos atletas que representam nossa cidade.


14

 

ADRIANA BERTONI SANTOS
(MÃE DO CAUÃ E DA GABRIELA)
Como mãe, espero um futuro melhor para meus filhos. É o que todos nós, mães perdoenses esperamos.
Esperamos dias melhores? Sim, é o que todos nós esperamos.
Faço parte da maioria das pessoas que estão indignados e esperam a mudança em nossa política, pois sabemos que ela tem força impactante em nosso modo de vida.
Odeio a política do ‘‘pão e circo’’, onde pessoas se calam em troca de favores, em troca de festas e até de um mero botijão de gás.
CHEGA DE POLÍTICO ASSISTENCIALISTA!
Não podemos culpar a política de nosso país, se nós continuarmos sendo ignorantes e colocarmos pessoas incompetentes em cargos que dão a elas o poder. Poder? De consertar ou destruir o ambiente em que em vivemos.
Espero realmente que dentro da frase ‘‘tudo ao seu tempo’’, nossa querida Cidade da Amizade tenha dias melhores – saúde, educação, segurança, área de lazer para que nossos filhos não fiquem em casa, reféns de um computador ou celular.
Infelizmente Perdões ainda está se reconstituindo de ‘tombos’ passados, mas tenho fé e com certeza, estarei atenta, cobrando para que nossos atuais administradores municipais façam por merecer cada voto recebido na urna.
Ser mãe é ser guerreira, é fazer e ser por nossos filhos. Assim sou, luto todo dia para dar o melhor para eles.
Que Perdões retribua no futuro, tudo aquilo que agora está sendo plantado. Espero dias melhores, e eles com certeza virão…basta acreditar!

 



MAX

PW (1)

anuncie