Vale a pena estudar em escola pública?

25 de novembro de 2019 10:25 224

Nome completo: Matheus Duarte
Formação acadêmica e instituição onde frequentou: Graduação em Letras – Português/Inglês e suas Literaturas, pela Universidade Federal de Lavras (UFLA)
Mestrado em Estudos Linguísticos, pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Forma de acesso à universidade: SISU
Área de atuação profissional: Prof. na área de Linguagens/ ColégioUnilavras
Vale a pena estudar em escola pública?
Valeu e hoje ainda afirmo que vale a pena estudar em escola pública.
No momento em que estamos inseridos, esse momento quando a educação é uma ordem, a escola pública continua resistindo e dando a todos nós uma réstia de esperança. Meu processo de formação não só educacional, mas também pessoal foi estruturado tendo como a base a educação pública. Foi na Escola Municipal José Norberto, inspirado por professores de tão alta qualidade, que me apaixonei pelo ensino e na Escola Estadual João Melo Gomide firmei essas bases para que hoje pudesse, por meio da educação, tentar transformar a vida de tantas outras pessoas. Foi na escola pública que entendi, como disse Paulo Freire, que: “A leitura de mundo precede a leitura da palavra.” Acredito e não pretendo deixar de acreditar na educação pública, porque foi lá que aprendi que eu podia sonhar e, mais do que isso, lutar pelos meus sonhos.
Valorizem a educação pública e seus professores! Lutem por (e com) a educação pública e seus professores! Não desistam da educação pública e seus professores, porque eles fazem uma falta danada na vida da gente!

O que é o SISU?

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é um sistema informatizado, gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC) e teve sua primeira edição em 2010. Nele, as instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para quem participou do Exame Nacional de Ensino Médio, o Enem.


Como funciona o Sisu?
O Sisu é realizado duas vezes ao ano e seleciona estudantes para instituições federais e estaduais de ensino superior. A seleção acontece sempre no início de cada semestre e a inscrição é gratuita – realizada em uma única etapa pela internet.
A cada edição, as instituições que participam do Sisu ofertam as vagas em seus cursos. Por exemplo, a Universidade do Pará disponibilizou pelo Sisu 20 vagas no seu curso de Administração, em 2017. Ao final do período de inscrições, os candidatos mais bem classificados são selecionados de acordo com o número de vagas ofertadas.

Compartilhe este artigo